terça-feira, 19 de abril de 2016

Homens que partem, mulheres que ficam!

O facebook recentemente decidiu presentear-nos com as memórias de acontecimentos vividos em anos passados e, foi assim que soube que dia foi hoje.

Foi precisamente há 5 anos atrás que fui despedir-me do Rafha ao aeroporto de Lisboa, ele ia voltar ao Brasil. O meu coração estava partido em pequenos cristais espalhadas por toda a parte, aquele era a realidade depois de tanto o ter amado por 3 anos e sem termos namorado, um mês depois de ele ter na beira da praia confessado que afinal era amor o que sentia por mim. Depois de 3 semanas do primeiro beijo, almejado por 3 anos e foi o adeus sem a certeza do regresso. Foi o pior erro da minha vida ter amado tanto alguém assim e a atitude mais certa a que tomei. Fui radical no amor, fui louca, poderia ter perdido tudo e quando digo tudo, não falo de dinheiro...falo de santidade mental, esperança de algum dia ter tudo ao lado dele. Vendi tudo o que tinha, deixei o meu país, a minha família e fui: fui para o Brasil. Vivi em São Paulo e construi um outro eu, um ser diferente, amadureci, o nosso amor foi violentamente colocado á prova e viveu . Poderia ter sido mais cautelosa, prespicaz, prudente e não vender a casa, mas casas há muitas e vida só uma. Não me arrependo ter vivido ao extremo, foi louco, mas foi bonito. Hoje por vezes dou por mim em êxtase contemplando o homem que Deus permitiu que me amasse de volta e sinceramente? Sinceramente, por vezes, a maioria das vezes ainda parece impossível e surreal. Ele me ama e cuida de mim! Temos imensas histórias para contar aos filhos,, risadas, aventuras, cores e brilhos de um amor que briga, mas cuida e cuida bem!

A próxima aventura? A da maternidade (:





2 comentários:

Unknown disse...

Oh Irina... que palavras! Que história! O amor, esse "bichinho" tão arrebatador e que tão pouca gente o entende, o aceita ou sequer luta como tu lutaste, como vocês lutaram. E continuam! Sempre juntos! É dificil, a vida é dificil mas juntos, um pelo outro, irão sempre conseguir. Tenho a certeza disso porque quando é amor, é amor. Beijo grande aos dois

Irina Jeanette Pires disse...

Querida e amorosa Sara, obrigada pelas tuas amorosas e simpáticas palavras. És linda... Uma rainha


Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©